terça-feira, maio 10, 2005

Identidade




Perdi a minha identidade textil... tenho que a redefinir... e não só essa, pelos vistos....

2 comentários:

A tragedy in progress disse...

Nunca disse que eram iguais mas se tu reparares cada vez mais o mundo virtual torna-se um complemento do mundo real o que há algum tempo atrás era impensavel já que se tratavam de dois mundos completamente distintos. Mas eu ao compara-los apenas quis salientar as semelhanças entre o msn e a (minha) vida.
Eu sei que são embora por vezes tenho a tendência a esquecê-lo. Nunca enganei ninguém, infelizmente acho que sofremos todo do mesmo que é do facto de banalizarmos relações e por tudo e por nada chamamos amigos as pessoas.
Algumas são outras nem por isso. E todas estão bem cientes disso. Só nao percebo pq é que as pessoas com as quais nao tenho muita proximidade e o sentimento é reciproco porque existem em tentar manter algo que nao existe.

Um abraço.

INDIGENTE ANDRAJOSO disse...

penso que estas um pouco enganado.

nem toda a gente e como falas, eu por exemplo detesto a banalização da palavra, e de conceitos como o de "amigo", tenho poucos mas muitos conhecidos.

agora em relação as falam contigo embora nao haja proximidade, das duas tres,
ou estas enganado e não reparas que afinal ha proximidade, talvez o simplesfacto de pensares nisso ja é algo,
ou esses sentimentos nao sao reciprocos, e as pessoas afinal até gostam de ti,
ou o momento e o contexto definiu essa relação, nunca aconteceu desabafares com um estranho? ter um momento de sentimentos puros de amizade e uma empatia completa com uma pessoa que acabaste de conhecer?

não é regras, a verdade é que a teorização em demasia desiquilibra a balança, semi-cerra os olhos e vais ver as coisas mais nitidas, livra-te de tanta informação desnecessaria.

não existem regras, por isso tudo o que digo é altamente especulativo e parcial, mas é o que acredito e isso ja é algo.

abraços