sexta-feira, julho 15, 2005

azul na gruta do jazz



A noite trouxe um estranho silêncio de azul, silêncio que é a expressão mais sublime do som.
Carlos Bica, Frank Mobus e Jim Black sussurraram ontem este silencio que me alimentou o sonho e o acordar e um desejo visceral de sussurrar tambem. Voltei-me a alimentar dele como me alimentei á anos naquela altura em que renasci musicalmente e encontrei o mundo maravilhoso do silêncio.
Desta vez disse obrigado...

hot clube de portugal

1 comentário:

Quem? disse...

E eu agradeço-te a ti, por me teres ensinado a gostar (tanto) de Jazz e alimentares os meus sonhos...

*