quinta-feira, dezembro 07, 2006

quiz de duas perguntas....



ja que os quiz esta na moda, começo e acabo aqui um...

1º- uma pessoa quando está mal muda-se ou tem o direito de ficar e continuar a fazer merda?

2º- como se fala com alguém que não quer ouvir?

neste quiz só ha pontos para a ultima resposta

7 comentários:

carlopod disse...

eh lá! quiz difícil!

1a - eu quando estou mal tento mudar o que está mal e se não consigo vou-me distraindo com quizzes; mas quando estou bem também...

2a - com alguém que não quer ouvir, a gente diz calmamente o que tem a dizer e espera que a pessoa um dia oiça, o que normalmente acaba por acontecer mais tarde ou mais cedo.

a vida passou de raspão e feriu-me de morte disse...

resposta 1: quando estou mal, ou mudo, ou não mudo, ou espero que a coisa mude sózinha, ou que alguém a mude, ...

resposta 2: a ultima vez que alguém não me quis ouvir foi há quatro semanas atrás. um suposto "chefe-comercial" tentou fazer de conta que eu não lhe falava e nem sequer estava lá. mas ouviu.
há duas semanas atrás recebi a carta de despedimento.

Quem? disse...

1- ou muda-se ou muda de atitude!
2- ou fala com muita, muita, paciência na esperança que fique qualquer coisa ou deixa de falar...

No final tudo se acaba por resolver, a bem ou a mal, resta erguer a cabeça e continuar a lutar e viver!

Beijos

Minerva McGonagall disse...

2- usa um altifalante (acho que é assim que se escreve), e encosta-o ao ouvido de quem teima em não ouvir. Ou te dá um estalo ou ri-se. Quer faça uma coisa quer outra, vais de certeza chamar a atenção!

carlopod disse...

mais um conselho, que deve servir para os dois casos: mais árvore, menos cidade.

expatriada disse...

1- eu prefiro mudar!
2- sendo persistente em varios dias diferentes! se fizermos sentido e tivermos coerencia a outra pessoa pelo menos tem que ponderar...

Nem sempre e facil fazer a teoria mas temos que pelo menos ter nocao dela e tentarmos constantemente aproximarmo-nos dela!
Estamos claro a falar de assuntos racionais e nao emocionais! Nesses nada faz sentido!

;) Beijos

Patrícia disse...

1º-eu cá acredito que se deve dar sempre uma segunda chance! sem ressentimentos! e depois logo se vê!

2º-não se fala! espera-se que a pessoa de repente se lembre de se perguntar a ela mesma o que está errado e por consequência de te perguntar então... e aí como já está disponível para ouvir é mais fácil falar. raramente conseguimos esperar pelo momento oportuno e correcto!

Ai a ansiadade...!